Plano de Resposta à Emergência

A Repsol Sinopec Brasil orgulha-se de ser uma empresa transparente e responsável em suas ações e, por isso, investe constantemente em soluções que protejam o meio ambiente, as comunidades e, sobretudo, o maior bem: as pessoas. Em respeito a este compromisso, compartilha com você o Plano de Resposta à Emergência criado pela companhia para atividades de Exploração e Produção Offshore.
 
O Plano de Resposta à Emergência da Repsol Sinopec Brasil foi desenvolvido a partir de rigorosas práticas corporativas difundidas na indústria dopetróleo e está alinhado com os procedimentos operacionais de todas as empresas contratadas, incluindo plataformas, barcos, helicópteros e bases de apoio. Os objetivos do plano vão desde a definição das tarefas a serem executadas em casos de emergência, até o estabelecimento das responsabilidades e dos recursos materiais previstos para execução das ações de resposta. Além disso, o plano visa instituir um canal de comunicação claro e direto, assegurando uma resposta rápida e eficiente às emergências.
 
Em seu Plano de Resposta à Emergência, a Repsol Sinopec Brasil garante o seguimento da sua Política de Saúde, Segurança, Meio Ambiente e Qualidade. Dividido em três níveis de ação (Resposta Local, Resposta Tática em terra, Resposta Estratégica), o plano pretende atender desde a menor até as maiores emergências onde se faz necessário o acionamento do Comitê de Crise, composto por técnicos, gerentes e diretores da empresa.
 
Para atender aos diferentes cenários e níveis de emergência, as equipes são estruturadas com os seguintes especialistas: Coordenador de Resposta à Emergência; Coordenador Operacional; Recursos Humanos; Saúde; Segurança Operacional; Segurança do Trabalho; Segurança Patrimonial; Meio ambiente; Relações Externas; Logistica; Tecnologia da Informação; Suporte Administrativo; Representates das Contratadas. Caso seja necessário, a Repsol Sinopec Brasil poderá contar ainda com o apoio de Especialistas Técnicos contratados a parte.
 
O Plano de Emergência da Repsol Sinopec Brasil determina quais ações devem ser tomadas em caso de: Fatalidade; Acidentados Sérios; Evacuação Médica; Blow Out (Descontrole do Poço); Vazamento de Óleo; Homem ao Mar; Crimes Sérios; Perda de Contato com Aeronaves; Emergências Marítimas; Colisão de Aeronaves com a Unidade Marítima; Perda de Contato com a Unidade; Fogo e Explosão; Evacuação da Unidade; Contaminação por Material Radioativo; Falha Estrutural; Condições Adversas de Tempo.
 
Para dar suporte a todas essas emergências, a Repsol Sinopec Brasil conta com dois (2) helicópteros disponíveis 24h para troca de turma, que podem ser rapidamente configurados para Helicóptero de Suporte Médico. Além disso, a companhia possui contrato com uma empresa especializada em Suporte de Emergência Médica, que pode ser deslocada até a sonda por esses mesmos helicópteros.
 
A Repsol Sinopec Brasil conta também com três (3) barcos dedicados ao recolhimento de óleo, além de três (3) barcos de apoio às atividades Offshore. A companhia possui ainda contrato com uma empresa especializada em Suporte à Emergência, para atuar nas operações de resposta a derramamento de óleo no mar e na mobilização dos recursos adicionais de contenção e recolhimento, localizados em bases de apoio terrestre. Caso necessário, dispõe ainda de recursos extras, provenientes do Centro Internacional de Resposta - OSRL (Oil Spill Response Limited).
 
Para dimensionamento da capacidade de resposta a derramamento de óleo no mar, foram consideradas hipóteses para acidentes graves, identificadas através de Estudos de Análise de Risco, atendendo integralmente à legislação e às exigências do órgão ambiental competente (IBAMA) e demais órgãos reguladores.

MASQ